segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Retrospectiva-13

Após o interregno das férias, que desejamos proveitosas, e duas
tentativas goradas para reiniciar o contacto convosco, aqui estamos
para mais um olhar sobre o passado.

Ano de 2003

Uma década é já vencida... Embora não seja tempo suficiente para
conferir a uma instituição o carácter de vetustade dá-lhe, no entan-
to, uma bonita aura de maturidade. É da luta pela aquisição dessa
maturidade que, embora de modo muito sumário, temos vindo a
dar-vos testemunho. Com esse testemunho continuamos.

6 de Janeiro-Igreja Matriz de Alter do Chão

Concerto organizado pela coralista Júlia Pintão, natural desta loca-
lidade, que contou com a preciosíssima colaboração da Câmara lo-
cal.
A actuação do Coro foi precedida de um esplêndido almoço que a
Câmara Municipal de Alter do Chão proporcionou à comitiva.

Na 1.ª foto vemos o Coro e acompanhantes aguardando, após o almoço,
a abertura da Igreja para o aquecimento da voz e estudo das condições
acústicas.
Na 2.ª foto temos já o Coro em plena actuação.

Programa : 1.ª parte - Espirituais Negros tendo como solista o Rui
Machado.
2.ª parte - A Cantata de Natal Venha Celebrar a Criança Luz
Solista - Margarida Cachão
Narradora - Marília Rodrigues

12 de Abril - Igreja de N.ª Sra. do Rosário, no Barreiro
Concerto de Páscoa com o seguinte programa:

1.ª Parte
- Três peças a solo com acompanhamento de órgão:
- Ave Verum Corpus de W. A. Mozart
-Largo de G. F. Händel
- Agnus Dei da Missa em si menor de J. S. Bach.
Solistas : Ana Albuquerque e Helena Gaspar, mezzo-sopranos
e Célia Nascimento, soprano.
Órgão : Miguel Matos

16 de Junho - Biblioteca da Esc. Sec. de Bocage na abertu-
ra da exposição "Um Olhar Sobre Nós" integrada nas comemo-
rações do 10.º Aniversário do Coral.

Foi uma pequena intervenção na qual o Grupo deu a conhecer um
dos coros da ópera Orfeu e Eurídice, de Gluck, em cuja prepa-
ração estava empenhado tendo em vista a sua inclusão nas come-
morações do ANO LUÍSA TODI.

Neste mesmo mês de Junho, um acontecimento fantástico para
os coralistas e outros membros da Escola que a ele aderiram,
foi o passeio-convívio pretexto para assinalar o encerramento
das actividades de 2002/2003. Falamos do passeio à região de
Castelo de Bode. Foram dois dias extraordinários. Constança e
o passeio de barco na barragem ficarão, para sempre, na nossa
memória.
Aqui vos deixamos a visão de uma das mesas do excelente almo-
ço a bordo do barco que nos proporcionou o passeio pela barra-
gem. À direita, no primeiro plano, a Ilustre Presidente da Direc-
ção, Dra. Rosa Maria Capela.


Diga-se, em abono da verdade, que nem só de cantorias vivia o Gru-
po. Para além dos jantares de encerramento das actividades e dos
convívios de Natal, a Direcção organizava, de quando em vez, umas
saídas que não só nos enriqueciam culturalmente como, ainda, aju-
davam a estreitar os laços de camaradagem entre os elementos do
Coro e entre estes e a comunidade escolar. O passeio referido é um
exemplo mas antes dele, no dia 15 de Junho, tínhamos ido ao teatro
Politeama assistir ao espectáculo de Filipe La Feria, My Fair Lady.

Em Julho, outro acontecimento de certa relevância teve lugar; refe-
rimo-nos à inscrição da nossa Associação na recém-criada
FENAMCOR (Federação Nacional do Movimento Coral) que havia
sido decidida na reunião da Direcção de 15 de Maio. O nosso Grupo
ficou registado com o n.º 9.

6 de Dezembro - Igreja de S. Pedro, em Vila Real.
A convite da Juventude Adventista de Vila Real, o Grupo deslocou-
se a esta cidade transmontana com o seguinte programa:
1.ª Parte - Canções de Natal do nosso repertório.
2.ª Parte - Com a colaboração de alguns elementos da Juventude
Adventista, o nosso Grupo interpretou a sempre bem recebida Canta-
ta de Natal de Tom Fetke, Venha Celebrar a Criança Luz.
Foram solistas a Margarida Cachão e a Sara Raquel Silva;
no órgão esteve o Miguel Matos e a narração coube a Miguel Cabral,
membro daquela Juventude Adventista.

No final, e atendendo ao entusiasmo do público, o Coral interpretou
a Canção de Natal Surgem Anjos Proclamando, um antigo Carol
francês.

13 de Dezembro - Concerto de Natal na Igreja de S. Sebastião,
em Setúbal, com o mesmo programa de Vila Real e a colaboração de
alguns elementos da Juventude Adventista daquela cidade que, para
o efeito, se deslocaram até nós, e ainda dos Tons de Barro, do Barreiro.
A narração foi, agora, de Frei Miguel.

20 de Dezembro - Praça de Bocage, em Setúbal - Participação
no espectáculo da Operação
"Dez milhões de estrelas- Um gesto de Paz"
O Coral apresentou a Cantata de Natal de Tom Fetke com a Guida
Cachão como solista e o Frei Miguel como Narrador.

21 de Dezembro - Concerto de Natal naIgreja de S. Jorge,
em Sarilhos Grandes;
1.ª Parte -o Grupo Tons de Barro, do Barreiro, apresentou algumas
canções relativas à época;
2.ª Parte - O Grupo Coral da Escola Sec. de Bocage, com a colabo-
ração do Grupo Tons de Barro, voltou a apresentar a Cantata de
Natal já bem conhecida mas sempre bem recebida.

Com este Concerto terminava, na prática, o ano das comemorações
do 10.º Aniversário do nosso Grupo Coral.
Nestes dez anos muitos acontecimentos, para além dos concertos
mas por causa deles, tiveram lugar; muita gente conhecemos e mui-
tos amigos fizemos.
Aqui prestamos uma pequeníssima mas sincera homenagem aos
amigos e companheiros muito especiais que nos ajudaram ao lon-
go desta década. E foram eles:

Instrumentistas como
o Paulo José Sedas e o professor Lopes da Cruz (oboé), o José Antó-
nio Magalhães (guitarra), o José António Barrocas e a Cláudia Lou-
renço (flauta), o José Augusto Carneiro (trompete), a Ana Rute
Paulino (harpa), a Sílvia Rocha (treble), o Nuno Ferreira (sax sopra-
no), a Andreia Fragoso (clarinete), o Helder Caramba (fagote) e o
Paulo Tavares (órgão);

Narradores da Cantata de Natal que, por ordem cronológica,
foram:
Fernando Casaca (actor), Dra. Raquel Cardoso ( coralista e Presi-
dente do Conselho Directivo da nossa Escola em 1994/95),
Dra. Maria Aurora Carvalho Homem ( Prof.ª do Ensino Sec. no
Funchal ), António Fernandes Ferreira, Dra. Maria Manuela Seq-
queira ( fundadora e Vice-presidente da Direcção do Coral ), Frei
Miguel (da Ordem Franciscana, em Setúbal) e a nossa coralista
Marília Rodrigues;

Grupos
tais como os Grupos PAZ, ALIANÇA, REVELAÇÃO, o QUINTETO
de COIMBRA, o Grupo Vocal Feminino DULCISVOX, o Grupo
TONS DE BARRO, a ORQUESTRA SINFÓNICA JUVENIL;

Solistas que, uma ou outra vez, deram o seu contributo, como
a Marta Dias, a Débora Fernandes, a Raquel Alão, a Teresa Inácio,
a Filomena Fialho, a Solange Norton, a Cláudia Lourenço, o Octávio
Paulino, o Jeremias Aurélio, o Hergino Paiva, a Liliana Cardoso, o
Luís Santos, a Cláudia Estanislau e a Célia Nascimento.

Mas, credores de um muito especial agradecimento serão, sem a
mínima sombra de dúvida,

João Paulo Reya, não só pelo seu mui valioso trabalho como
maestro do Grupo mas, também, pelas suas actuações enquanto
solista que muito valorizaram algumas das apresentações do Coral;

Filomena Amaro que, apesar do seu elevado nível como cantora
e professora de Canto, não se sentiu diminuida por emprestar o seu
brilho pessoal a várias prestações deste Grupo;

Miguel Matos, o organista de todos os momentos, o amigo com lu-
gar cativo no coração dos coralistas, em especial daqueles que o vi-
ram passar, tocando como só ele sabe, da categoria de aluno da Es-
cola Secundária de Bocage para a de Dr. Miguel Matos;

Enoch Pinto, o amigo sempre pronto a ajudar o Coral quer refor-
çando o sempre carecido naipe dos Baixos quer propiciando o seu
apoio técnico quando a Cantata de Natal era apresentada quer,
ainda, na resolução de situações problemáticas delicadas como a
ocorrida na Madeira em Janeiro de 1995.

Margarida Cachão mezzo-soprano que, devido à qualidade sem-
pre renovada da sua voz, abrilhantou, e de que maneira, muitas das
actuações do Grupo;

Ana Isabel Albuquerque, Helena Gaspar, Rui Machado e
Sara Pinto
que, para além das suas participações como coralis-
tas bastante valorizaram, como solistas, algumas das actuações do
Grupo Coral.

Na foto seguinte vemos a Filomena Amaro, o João Paulo Reya e
alguns dos amigos atrás referidos.


Até à próxima!

domingo, 18 de outubro de 2009

CONCERTO

  • O GRUPO CORAL DA ESCOLA SEC. DE BOCAGE
  • O CORO DE CÂMARA DE SETÚBAL
  • A BANDA FILARMÓNICA DA CAPRICHO

Realizam um CONCERTO no próximo dia 23 de Outubro
( 6.ª feira ), pelas 21h e 30 min
na IGREJA de S. SEBASTIÃO

A "peça de resistência" deste Concerto será a Missa do compo-
sitor holandês Jacob De Haan

MISSA KATHARINA

Ouçamos o SANCTUS desta Missa, não pelo nosso Coro mas...
o aspecto do Coro aqui apresentado não anda muito longe do
nosso.

video

VAI OUVIR-NOS! APOIA-NOS!